A história de Desperaux

26 de nov de 2010





"É verdade, os olhos de Desperaux não deviam estar abertos, mas estavam. Ele olhava para o Sol que se refletia no espelho da mãe. A luz batia no teto, formando um desenho oval, e ele sorria ao vê-lo.
- Há alguma coisa errada com ele - o pai disse - Deixem seu irmão sossegado.
Os irmãos e irmãs de Desperaux se afastaram do novo camundongo.
- Esse é o último - proclamou a mãe ainda na cama - Não terei mais filhotes. Eles são uma decepção. Acabam com a minha beleza, me arruínam, arrasam minha aparência. Esse é o último. Nunca mais.
- O último - o Pai disse - E vai morrer logo. Não pode sobreviver, não com os olhos abertos desse jeito.
Porém, leitor, ele sobreviveu.
Esta é a sua história"


Autor(a): Kate DiCamillo.
Nº de páginas: 255.
Editora: Wmf MartinsFontes.
Ano de publicação: 2009.

Conheça a inesquecível história de um Rato que gostava de luz, de uma criada que queria ser uma princesa, de uma princesa que conheceu um camundongo e do camundongo que se apaixonou por ela. O livro faz voltas no tempo, de modo que você começa de um jeito, mas tem de retroceder duas vezes antes de prosseguir. Quando prosseguimos, damos logo de cara com Desperaux, um camundongo pequenininho que lia livros ao invés de comê-los, e assim desejou ser um cavalheiro e proteger a sua amada princesa Ervilha. Mas as coisas começam a ficar difíceis quando um certo Rato captura ela. Será que Desperaux conseguirá salvá-la?
É um livro com uma linguagem agradável e fácil de ler. Mistura comédia com aventura, e faz as coisas parecerem um pouco sem sentido. É muito bom, e vale a pena dar uma olhada.

Postado por usagi-chan às 05:50 //

0 Comentários

Postar um comentário